Acabando o Ano

Final de ano cansa. Pode ser uma delícia provocar encontros, especialmente com as pessoas que gostaríamos de ver com mais frequência e com quem gostaríamos de conversar mais, mas estas provocações são um teste de resistência no fim do ano.

Costumo dizer que não entendo o tanto que a gente encerra pra em duas semanas começar de novo.

Tomando um último gás entra dezembro e a gente dá um jeito de encontrar todo mundo pra um beijo de despedida e de boas festas.

Alguém aproveita estes encerramentos pra analisar o quanto está valendo o curso do que estamos encerrando? Já pensaram se a cada encontro de fim de ano a gente conseguisse determinar: O que me melhora? O que estou podendo fazer por este outro? Devo continuar nesse rumo? Estas pessoas me fazem bem? O que devo fazer em relação à essa informação? Difícil, né?

Eu questiono porque acho importante que nos perguntemos de quando em quando sobre a forma que agimos, que nos relacionamos e as escolhas que fazemos.

Aproveitando as festas de fim de ano em todos os lugares que transitamos
façamos nosso exército de valorizar o que ( ou quem ) nos valoriza também. Também é ótimo o exercício de desintoxicar do que não compensa.
Começando meu balanço…boa sorte com o seu!

Por Simone Lima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *